Impresso em: 27/05/2022 16:07:04
Fonte: http://faetrural.com.br/noticias-1689-paulo-carneiro-e-empossado-para-comandar-o-sistema-faet-senar.html

Paulo Carneiro empossado para comandar o Sistema FAET/SENAR

03/01/2022 21:51:46

Na manhã dessa segunda-feira, 03/01, o Presidente Paulo Carneiro e os membros eleitos da Diretoria e Conselho Fiscal, efetivos e suplentes, estiveram reunidos para tomar posse em seus cargos no Sistema FAET/SENAR no quadriênio 2022-2025. No início da reunião, o presidente agradeceu e enfatizou a importância da dedicação de todos os membros para o fortalecimento da categoria. Ao final da reunião, todos os membros assinaram a ata da posse.

A chapa “FAET Forte, Sindicatos Fortes”, recebeu 100% dos votos dos presidentes de sindicatos rurais que compareceram às urnas. A eleição da FAET teve chapa única e Paulo Carneiro será o quarto presidente eleito a assumir o comando da entidade. *GESTÃO PAULO CARNEIRO* Como presidente interino da entidade, Paulo Carneiro atuou ativamente no fortalecimento dos sindicatos rurais do Tocantins.

Durante a gestão na FAET, foram realizados quase mil cursos profissionalizantes pelo SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) em todas as regiões do Tocantins, cerca de 200 eventos voltados para a saúde do homem e da mulher rural e, por conta da pandemia da Covid 19, promoveu 73 edições da Feira Segura, uma iniciativa que permitiu que pequenos produtores rurais pudessem comercializar seus produtos diretamente para o consumidor com toda a segurança necessária e em obediência às recomendações dos organismos de saúde.

Outra ação voltada para a qualificação no campo, durante a gestão de Paulo Carneiro, foi a abertura de três polos da Faculdade CNA no Tocantins, sendo em Gurupi, Araguatins e Palmas. A instituição de ensino superior é a única do Brasil voltada exclusivamente para o agro no Brasil. Para atender às demandas do setor, a FAET também incrementou a realização de cursos técnicos, como a Rede ETEC que formou 146 novos alunos no curso “Técnico em Agronegócio”.

Além de incentivar a criação e a reabertura das entidades, ele promoveu ações que estão garantindo que que os sindicatos rurais do estado tenham condições de ficar de portas abertas em expediente comercial para receber o produtor rural e suas demandas. Na gestão Paulo Carneiro, também foram incrementados os cursos de formação de produtores e trabalhadores rurais do estado. Na área de Assistência Técnica e Gerencial 3.993 mil produtores rurais foram assistidos.

Como o programa tem duração de 24 meses foram contabilizadas 21.300 mil visitas técnicas que levaram conhecimento, informação e novas tecnologias para elevar a produtividade, o aumento na produção e a lucratividade no campo. Para o presidente da FAET, “os tempos mudaram e hoje as propriedades tem que ser tratadas como uma empresa, que precisa de acompanhamento, monitoramento e controle diário, além de mão de obra qualificada”, declarou. Nos últimos anos, o presidente também se destacou na defesa do setor e no fortalecimento da atividade sindical rural.

Paulo Carneiro defendeu bandeiras nacionais do agro, como o aumento de recursos para custeio e redução de custos financeiros para os créditos rurais e a redução de tributos que incidem sobre a produção, como a prorrogação de redução da alíquota do ICMS para a aquisição de insumos e máquinas agrícolas.

No Estado, a gestão também cobrou melhorias das estradas estaduais e municipais para facilitar o escoamento da produção, Da mesma forma, o presidente da FAET apoiou e buscou novas fontes de recursos para viabilizar a realização das exposições agropecuárias. Por isso, na atual gestão, as tradicionais “pecuárias” praticamente dobraram no Estado. “Sabemos a importância que a exposição tem para os sindicatos e os municípios, porque é lá que eles expõem seus animais, seus produtos e também tem acesso às novas tecnologias disponíveis no mercado”, destacou Paulo Carneiro, que esteve em todas as exposições realizadas durante a gestão.